sábado, maio 26, 2012

O longo braço das políticas despesistas de José Sócrates

No dia em que a Catalunha, a mais desenvolvida e rica Região da Espanha, espanta o mundo com uma declaração de falência e com um pedido de assistência financeira, não é que o tal sduoer Banco se apresenta falido?
É o resgate mais caro da história do setor bancário espanhol. O grupo BFA-Bankia, nacionalizado este mês, pediu esta sexta-feira ao Estado uma ajuda pública de 19 mil milhões de euros para o saneamento das suas contas.

O montante foi aprovado na reunião do conselho de administração da instituição e soma-se aos 4.465 milhões de euros já injetados no Bankia, que viu hoje o seu rating atirado para o lixo pela Standard & Poor`s, numa descida de três níveis, a par de outros bancos.
Contas feitas, as necessidades de capital estão avalisadas em 23.465 milhões de euros.
Que artes terá tido o inominável desgovernado, para ter conseguido destruir duma assentada a economia dos mais rutilantes tesouros europeus? Mistério!



1 comentário:

José Freitas disse...

Um programa recente da SIC Notícias disse mentiras sobre o caso «Equador», que tem partes copiadas de «Cette nuit la liberté».
MST é um «moralista» anti-Esquerda, refiro-me a Esquerda de facto e não a esquerda troikista.
A Censura anda muito activa nos comentários dos blogs. Espero que deixe passar este comentário.
Em www.anticolonial21.blogspot.com está a verdade inconveniente sobre a cópia de partes de «Cette nuit la liberté» por Miguel Sousa Tavares para o livro «Equador».