terça-feira, agosto 09, 2011

Hoje provocaram-me e vou ser grosso e curto! Ou curto e grosso! Como preferirem!

Os que andam por aí em bicos de pés. Que arrotam postas de pescada, que são "mesmo intelectuais" e que dão palpites como as bananeiras dão cachos de bananas, não passam de uns merdas que nunca fizeram nada na vida , que nunca plantaram milhares de árvores, que nunca construiram milhares de metros quadrados, que nunca organizaram a produção de comida para cidades inteiras, que nunca enfrentaram os gajos do PCP que estavam prontos a comer o primeiro que se aproximasse, que nunca enfrentaram os boys dos partidos únicos e que no fim sairam de cabeça levantada!
Esses que nunca construiram uma escola, que nunca fizeram uma represa para dar água a quem não a tinha, que não construiram milhares de casas ou recuperaram milhares de hectares para a produção de comidinha, tenham dó! São umas postas de trampa e uns desgraçados armados em camelos! Agora à míngua de qq coisa para apresentarem, criam grupos na net com finalidades muito, muito, muito, duvidosas e para aproveitarem o vazio político criado na esquerda com a saída do Sócrates...
A vida é isto!

2 comentários:

carol disse...

Bolas! Este texto está mais explícito que o meu de hoje!
Calma, Manel! A vida não é o facebook... Piores são as Filomenas Mónicas e os ressabiados como o António Barreto ou o Carrilho - já para não falar no meu nojento vizinho, o Henrique Neto...

Rogério Pereira disse...

Isto? Isto quê?
Tá assinado, meu caro.
Tá assinado.
O resto são variações de estilo...

(e não pode ser curto e grosso, embora, de memória, não me ocorra o número de páginas escritas pela troika...)