terça-feira, agosto 23, 2011

Pode a Nato ter caído numa imensa arapuca? Pode!

Com a surpreendente entrada das forças rebeldes em Tripoli, Kadhafi conseguiu duma assentada calar os bombardeamentos sobre a cidade. Mas pode ele passar a bombardeá-la se para tal se tivesse preparado durante estes meses. Esta é apenas a mais antiga tática de gerrilha móvel que recua para atacar e que se proxima do inimigo para evitar a utilização de armas superiores como os bombardeamentos aéreos, ou a partir da 6ª Esquadra Americana estacionada ao largo da costa Líbia.
Se assim for, se a luta continuar dentro de Tripoli, a guerra pode continuar por longos meses e a NATO não tem estofo para uma guerra de guerrilha...como se vê no Afeganistão e no Iraque...
Terá caído numa arapuca como os franceses em Dien Bien Phu, ou como os americanos nas colinas do Vietname?
Veremos!

2 comentários:

Rogério Pereira disse...

Veremos...

Jorge Portojo disse...

O que li agora foi mais ou menos que li (ou ouvi, já não posso precisar)há alguns meses atrás, antes da invasão.
Pergunto: Porque as forças da Nato e os EUA não querem saber do que se passa na Síria ? Será porque este País é aliado do Irão ? E com o Irão ninguém se mete ? Mas se o Irão sair em ajuda de um qualquer País ?
Maldito petróleo, que serve para tudo até matar crianças.