sábado, setembro 27, 2008

A absoluta falta de vergonha

Que os comunistas se comportam sem quaisquer escrúpulos,
Que nunca fizeram prisioneiros e não olham a desgraças,
Que a CGTP não passa de uma correia de transmissão do passado morto e enterrado,
Que o PSD está moribundo,
Que o PSD tem um registo de obra social e económica assinalável,
Que MFL é a legítima autorgante do maior roubo Fiscal já levado a efeito em Portugal,
Que o PSD tem uma direcção que reune o melhor de dois mundos: O que já está morto e o que vai morrendo todos os dias nas páginas das falências de bancos,
Que devemos estar preparados para emigrar se nos parecer que aquela gente regressa ao poder,
Nada disto é, ou pode constituir surpresa ou novidade.
Agora o que me consegue ainda surpreender e agoniar, é que a CGTP vá confraternizar com MFL e com o seu vice, grande economista, gigante do sub-prime e do sionismo internacional, um tal de Borges, e os tenha, justamente, brindado com tiradas como esta:
“A CGTP faz muito bem em chamar a atenção para os problemas económicos e sociais do país porque as pessoas estão a sentir na pele as consequências de uma política económica errada, seguida pelo governo socialista.”
A CGTP de facto, não merece mais!

1 comentário:

Ze dos Reis disse...

Não duvido que as pessoas sintam na pele isto e aquilo, mas de uma coisa estou convicto, com um governo psd iam sentir muito mais, oh muito mais, e com um governo pcp queria ver quem era o reacionario e anti povo e vendido ao inimigo que abria a boca sem ir parar com os ossos a algum local sinistro, à moda da gloriosa republica popular da coreia do norte.