sexta-feira, novembro 11, 2005

Manuel Alegre, triste


O deputado eleito pelo PS, Manuel Alegre, esteve hoje em greve.
Declarou mesmo que era livre de ir ou não à Assembleia da República.
Engraçado que este deputado considere que não está obrigado a comparecer no seu local de trabalho especialmente, se ia votar ( acto grande da democracia ) o OGE, que regulará a vida de todos os portugueses no próximo ano.
Triste interpretação das suas actuais obrigações.

1 comentário:

Um Homem das Cidades disse...

Como é que um candidato a PR se demite de participar na votação do OGE?
Alegre está sempre a balouçar entre a convicção e a conveniência...