terça-feira, novembro 01, 2005

Uma das guerras que está a ser ganha - 1

Tudo aponta para uma vitória cada vez mais próxima e fácil dos americanos e ingleses no Iraque.
As boas notícias sucedem-se e os familiares têm recebido com muita emoção as notícias dos seus filhos e filhas ali em defesa dos sagrados interesses pátrios.
Hoje a FoxNews dá conta exactamente disso:

Italy Denies Role in Iraq Uranium Claim
Wednesday, October 26, 2005

ROME — Italy denied allegations Wednesday that it gave the United States and Britain false documents suggesting that Saddam Hussein (search) had been seeking uranium in Africa, helping justify the case for the 2003 invasion of Iraq.
The documents in question detailed a purported Iraqi deal to buy 500 tons of uranium yellowcake (search) from Niger, a claim the United States and Britain used to try to prove Saddam Hussein (search) was seeking to develop weapons of mass destruction.
The government's denial came one day after officials said Nicolo Pollari, the director of the SISMI intelligence agency, would be questioned about the case Nov. 3 by members of a parliamentary commission overseeing secret services
( Ler tudo)

5 comentários:

Anónimo disse...

Vê-se que oe américas são maus pela lista dos lideres que eles tentam destruir (mesmo arriscando vidas de jovens americanos):

Hitler
Mussolini
Estaline, Ceausesco e corja afim
Palhaços inominados do Haiti e Granada
Senhores da Guerra da Somália
Arafat
Sadam Hussein
Khomeni
Kim Il Sung ou o raio que o parta
Assad
Kadafi (este agora implora perdão)
Che Guevara
Generais Argentinos (a Thacher que o diga)
Fidel
Mullah Omar
Ben Laden
Pol Pot
Karadiz
Milosevic

COMPAREM ISTO COM OS COBARDÕES DOS ESPANHOIS QUE FUGIRAM DO IRAQUE A SETE PÉS COMO RATOS

MF disse...

Contribuições para o anónimo amnésico:
- Noriega ( ex-CIA)
- Pinochet ( CIA )
- IdiAmin DAda (antropófago)
- Mobutu (Nem sei!)
- Tchombé ( Nem sei!)
- Amarjkold ( Sec. Geral N. Unidas, assassinado pela CIA)
- Duvalier (Haiti)
- Batista ( reformado na Madeira!)
- Corja sem fim : Mais nomes?
- Generais argentinos?, Stroesner?, criminosoa nazis?, Contras da Nicarágua? Droga por armas? WMD?, Igrejas evangélicas? Corrupção ao mais alto nível da Administração dos EUA?: Tudo mentira não é?
Salazar , Franco e a Guerra de Espanha também nada lhe dizem?
Mão limpas, não é?
Deixe lá que apesar de lhe parecer que isto é ao acaso a História vai-se fazendo e se hoje os criminosos são muito e muito fortes, já houve outros impérios igualmente desproporcionados que tombaram.
Não será na sua vida, não será, mas que apesar de tudo os povos nunca deixarão de lutar pelos seus direitos, mais tarde ou mais cedo!
Think again!
- Sadam ( armado p/ americanos)
- Xá da Pérsia, idem
- Mulah Omar ( armado pelos mesmos mas contra os russos)
- Sionismo (Milhões e refugiados expatriados)
- Hitler ( só depois de Pearl Harbour, antes eram sócios em indústrias ( Opel e Ford!)
- Bin Laden ( mas era sócio do peito do pai Bush!, não sabia ou só finge?)
- Jugoslávia: Não percebeu ainda? Vai ver que com o tempo a coisa clareia!

Flor disse...

Ó anónimo, mal informado e iludido! Achava mesmo que era o espírito altruista dos americanos que os conduzia para a guerra? Para a chacina? Bolas! Nessa, já nem o povo americano vai! Já visitou o site do Michael Moore? Ele também é americano, sabe?! O petróleo, os diamantes, a indústria bélica e o poder, movimentam as marionetas e os fantoches...
Há quem entre no jogo, mas convém que se agache, que faça de capacho e se deixe pisar! Muito!

Não será, com certeza, o caso do MF. Escolha o seu, meu caro!

saf disse...

... o pior de tudo, é existirem tantos como o anónimo, a ignorância alimenta o imperialismo, sempre foi assim ...

MF disse...

Peço desculpa saf, mas não estou de acordo:
Nada melhor que a ignorância, também, para que o imperialismo e a direita caceteira cometa tantos erros e crimes.
Hoje eles estão ao nível do fascismo e do nazismo e justificam-se com a "war on terror", eles que são os verdadeiros terroristas há décadas:
Os EUA têm estado permanentemente em guerra há mais de cem anos! Com todo o mundo!
É a primeira vez na História que tal acontece especialmente depois de terem procedido à limpeza étnica mais criminosa de sempre: Nos próprios EUA!