sábado, outubro 22, 2005

A Galerias dos Horrores 2

Hoje vamos pendurar, dolorosamente, na Galeria dos Horrores este 2º post: Vai aqui ficar em lugar de destaque, o Curso de Informática de Gestão da Universidade do Minho.
É verdade. Essa mesma Universidade que ainda há pouco era merecedora de encómios, de aplausos e de esperanças na formação dos jovens, encontra-se sem critério, de rastos, premiando as aberrações, a insistência na asneira, no analfabetismo e na boçalidade. É até injusto dizer que está sem critério. Ao contrário, está com tendência para premiar os menos válidos. Aqueles que se distinguem pela grosseria e na maior ignorância, só comparável ao atrevimento.
Aquele atrevimento que, não atalhado, redunda sempre nos afloramentos do fascismo e da pior ideologia social e do desbragado oportunismo de direita.
Deixo-vos com uma meia dúzia de "textos", apelando para a vossa paciência. Sei que não vai ser fácil lê-los. Que vão enjoar na viagem. Que a vista vai turvar-se. Vai ser como olhar um panarício. Um tumor. Mas o seu autor continua "escrevendo" e " pensando", agora diplomado naquela Universidade.
Pasmem:

Sim, aqueles jornalistas que, à um ano, mostravam a desgraça dos incêndios por todo o país e que, no fim de cada reportagem, encaminhavam a responsabilidade para o governo”“Este ano nada! Até agora ninguém proferiu, num telejornal, as palavras incêndio e governo na mesma frase.”

Podem assisti-la em Guimarães no Centro Cultural de Vila Flor apenas hoje (Domingo”(Naco de prosa referido a uma peça de teatro, a ver. A ser assistida diz o diplomado cavalheiro...)

"Pois é, já não basta cair em cima dos pensionistas, agora o PS desaloja um idoso. Sim, um dos donos do PS, Jorge Coelho, já avisou que os meios do partido não poderão ser utilizados para apoiar, seja de que forma for, a candidatura do seu membro de comissão política: Manuel Alegre. Para além disso existe, dentro do PS, a vontade de o afastar das reuniões da comissão política do partido. Que tristeza! "

"Por estas e por outras cada vez mais eu concordo com a frase: “O povo é burro e se não fosse burro não era povo!” Pois, se o povo não fosse burro não haveriam por aí tantos presidentes de câmara, com 3 e 4 mandatos consecutivos, sob o clima de suspeição de corrupção e tráfico de influências. Depois do primeiro mandato o povo, se não fosse burro, corria com eles! "

"Já não fumo à 4 meses Esforço!? Tirando os primeiros 3 dias, nenhum!
Fumava um maço por dia. Já não fumo à 4 meses, 11 horas e 8 minutos. Até agora não fumei 2469 cigarros e poupei €314.83
. "

"1.Para conseguir MULHER necessitas de TEMPO e DINHEIRO
2. O TEMPO é muito valioso, logo o TEMPO é DINHEIRO
3. Com 2. e 1. temos:
4. O DINHEIRO é a raíz de todos dos PROBLEMAS
5. Substituindo 4. em 3. temos:
6. MULHER=PROBLEMAS "


"Licenciatura em Informática de Gestão
Quinta-feira Setembro 15th 2005, 19:26 autor: Rodrigo Costa Arquivado sob: Blá Blá Blá
Hoje, quinta-feira, 15 de Setembro de 2005 terminei a Licenciatura em Informática de Gestão pela Universidade do Minho."

E desgraçadamente vive em comunhão de pensamentos com um grupo de não menos ignaros apoiantes. Cada um deles merecedor de figurar, destacado, em qualquer galeria de horrores e de misérias : Os links que escolheu e destacou só devem ser visitados por adultos de estômago robusto e que se interessem pela antropologia das aberrações.

13 comentários:

domingos disse...

você ou é estúpido, ou muito estúpido...

MF disse...

Quando vc, Domingos, apresentar um argumento, unzinho homem!, que se mantenha de pé a favor do seu camarada Racosta e ele prometer fazer cópias e ditados, então podemos conversar. O insulto gratuíto e a manifestação de solidariedade para com um imbecil daquele calibre, não abona nada a seu favor...Mas cada um escolhe o campo onde melhor se sente. Ainda bem que vc escolhe um diferente do meu!
Passe bem!

An Jo disse...

Parece-me que faz parte dos ignaros apoiantes, pois, para além de continuar a dar relevo a aberrações, segundo vossas doutas palavras, visita também os links.
Cada um usa o blog como bem entender. O facto de o senhor usá-lo para discorrer sobre politica, é opção sua.
O facto de dar tanta importância a algo/alguém que não a merece, deduzido dos seus posts, revela que a sua mensagem não está a passar e para chamar atenções, cai no insulto fácil e boçal.
De quando em vez venho visitá-lo para me lembrar que as mentes bacocas, torpes e enviesadas existem tanto à direita como à esquerda.

Há mar e mar, há arroz de grelos.

MF disse...

Freak,
Lamento que vc não seja capaz de apresentar um único ponto de discórdia comigo e, no entanto, verter tanto veneno. Deve ser por um problema de classe. Mas também lhe digo que o que vc escreve no seu blog é intragável e afinal até faz um esforço quando comenta aqui.
Se continuar a comentar ainda acaba escrevendo de carreirinha, vai ver.
Não hánada como ir tentando!

An Jo disse...

Quanto a ser intragável ou não, cada um prova o que quer. O que escrevo no blog só a mim me diz respeito. O meu blog não tem por objectivo atingir as massas e muito menos educá-las. O objectivo era divertir os amigos, como atestam os primeiros posts.
Pura masturbação mental era o conceito.
Mudei o conceito para satisfazer os pedidos dos amigos, aos quais o blog é dirigido, uma vez que agora estamos separados fisicamente.
Por isso digo-lhe que cada um come o que quer.
Não faço tenções de escrever de carreirinha no blog, para isso tenho o meu caderno.
O seu blog é mais um. Incomoda-me o facto de tentar passar a imagem de um educador quando o que quer é mostrar um distanciamento da plebe.
Seja mais David Bentham e menos John Stuart Mill.

P.S.: "Não há almoços grátis". Se considera Cuba, China, Coreia do Norte, ..., estados tão livres e iluminados, porque insiste em criticar este pobre país em vez de se mudar para além.
Se já sabe onde fica o paraíso, porque insiste em viver no inferno?

Biranta disse...

Que bom que cada um pode escolher o seu próprio paraíso, ou inferno... sem se importar com os demais. Será que todos os insatisfeitos deste país se podem mudar para um paraíso, existente ou a formar? De que viverão, então, os parasitas e os chulos que nos governam? Incluindo aqueles 230 incapazes que enxameiam a AR? Se não tiverem insatisfeitos, para explorar, vocês morrem de fome... Um pouco de consideração por quem vos sustenta é o mínimo de decoro, que se pode exigir a quem se considere "gente"!
Há uns que não sabem, mesmo, usar a cabeça... É só areia e falácias, sem nexo...
Então o país é vosso? Quem foi que decidiu assim?

racosta disse...

mf,

não lhe queria responder pois o seu nível é demasiado baixo. Tenho pena de quem o atura, se é que existe gente capaz de tal.

Transcrevo a minha resposta (dada em http://racosta.kevhosting.com/blog/) ao seu chorrilho de asneiras e falsidades:

"
Lave a boca antes de falar de quem não conhece, sobretudo dos visitantes deste blogue que poderão nem sequer ter a oportunidade de lhe responder.

Não sei o que será pior, se a sua falta de educação ou falta de argumentos. Como é hábito na esquerda-lacoste, da qual o senhor é espécime, o insulto prevalece sobre a defesa de ideias e ideais.

O senhor que, entre outras barbaridades: dá vivas aos prenúncios de desgraça sobre os EUA (que prazer mórbido!); acredita que Cuba é um país democrático (esquizofrenismo?); que Che Guevara foi defensor de eleições livres (em que país, Cuba?); que por vezes parece não compreender o que lê (iliteracia?), não merece sequer a atenção que lhe estou a dar neste momento. Aqui o senhor não escreverá, satisfaça esse prazer no seu blogue recheado de lodo. Passe muito bem com as suas frustrações e bons copy & paste.
"

PS - Obrigado pelas inúmeras gargalhadas proporcionadas pelos seus post's e comentários.

Flor disse...

Ena, ena tanto agito!

Se o racosta não se pusesse a escrever "posts" reaças, homofóbicos e atrasados eu já estaria com alguma pena... mas pôs-se a jeito! É atrevido e descarado como a direita sempre o foi.
Por isso, "bem feita"! Esta expressão é antiga, mas gosto de a usar de quando em vez.
Acho bem que escreva (apenas)para os seus amigos. Fui lá lê-lo e ugh!

Gosto muito de ler o que escreve MF. É um verdadeiro trabalho de cidadania e lucidez! Boa escrita!

Flor disse...

Caro MF,

Descobri agora que não são só os seus "post" que são censurados! Fui fazer uma visitinha ao racosta que escreve tão mal, mas tão mal, ( não estou apenas a falar da falta de ideias, estou a falar de postuguês, mesmo!)que escreveu Homen, em vez de Homem!
O indivíduo não gostou do reparo, apagou o "post", mas corrigiu o erro!
Não vale a pena perder o seu tempo e latim, quando estamos a falar de falta de qualidade, ignorância e de umas talas/vendas que usam sobre os olhos.

Usei o seu post e o seu blogue para comentar, porque aqui não há censura!

Um abraço,

SAF disse...

Várias foram as tentativas de expressão da minha opinião, no blog do Racosta, mas, incrivelmente, fui censurado (para quem nasceu depois de 77, é deveras surpreendente). De qq modo, aqui vai uma cópia:
Rodrigo Costa (Racosta), não fazia questão de perder tempo consigo, mas, de facto espero que tenha lido os links que colocou com alguma atenção, porque é sempre bom aprender um pouco sobre democracia, sobre os feitos de governos que me parece que defende como exemplos de bom comportamento a ponto de aplicar a velha máxima de inimigos dos meus amigos meus inimigos são, só assim consigo compreender tanta ignorância sobre a história de Cuba. Deduzo que colocou os links para não se dar ao trabalho de falar de coisas que desconhece, mas acho que devia mesmo ler, não faz moça, enriquece-nos a alma conhecer sem tabus povos e culturas, senão veja (http://pt.wikipedia.org/wiki/Cuba) - “Fidel Castro liderou uma Revolução Cubanar contra o ditador Fulgencio Batista” ... “21 de Abril de 1961, cerca de 1500 exilados cubanos recrutados, patrocinados e treinados pela Central Intelligence Agency (CIA) dos Estados Unidos da América tentaram uma invasão frustrada na Baía dos Porcos”) – depois, sobre Che, faço minhas as suas palavras, Lave a boca antes de falar de quem não conhece, nem necessita de ler muito, utilize a sua enciclopédia favorita, a wikipedia, por exemplo o artigo http://pt.wikipedia.org/wiki/Che_Guevara em vez de se referir a (maus) artigos escritos por si. Por ultimo, é demasiado óbvio quem não argumenta, quem mostra tanta ignorância junta por palavra que escreve, quem diz “Aqui o senhor não escreverá” para justificar uma argumentação ... (se calhar fui demasiado subtil). De qq modo, nem tudo é negro, o facto de ler o Homen ao Mar, é muito positivo e, acreditando em milagres, pode ser que aprenda alguma coisa (tem é de ler sem tabus nem preconceitos).

saf disse...

ups, reli e descobri que fui contaminado, a virose ortográfica .... Cuidado, não tenham contactos com o racosta, podem ficar doentes tb :-)

MF disse...

Caros Flor e Saf,
Obrigado pelo vosso testemunho tão claro.
A criatura em questão é um ignaro que procria e que se atreve a cuspir na sopa que come: O início desta esclarecedora embrulhada é um comentário reaça e despropositado a um post meu sobre as eleições em que discorri sobre a liberdade e sobre todos os que na História contribuiram para ela!
A partir daí tive que o colocar no seu lugar.
Mas, na dialética também há o outro lado, o contraditório: e foi bom conhecer-vos. Obrigadao!
Manuel Ferrer

MF disse...

E não sei se repararam que a criatura que escreve português com muitos erros, quando escreve uma palavra em inglês, e porque só escreve umazinha, consegue um feito notável: É sempre asneira.
É que o plural de post não é e nunca será post's !
E tirou ele um curso superior.
Vai lindo este País!